Empresa lança aplicativo que promete “curar” pessoa da homossexualidade

    allout_image_5640_fullSurgiu um aplicativo que promete “curar” os homossexuais pelo smartphone. Criado pela Setting Captives Free, o “Door of Hope” garante que o interessado conseguirá “se ver livre da homossexualidade” em 60 dias.

    Trata-se de uma espécie de curso que usa preceitos bíblicos para convencer o homossexual de que ele tem um problema. “Você pode ser libertado da escravidão da homossexualidade através do poder de Jesus Cristo e da cruz”, informam.

    Em resposta, a comunidade gay criou uma petição virtual pedindo a retirada do aplicativo do ar. Até as 14h00 deste sábado, 01, o abaixo-assinado já tinha mais de 70 mil assinaturas (veja aqui).

    Pelo menos junto à Apple a estratégia funcionou, pois o app foi retirado da iTunes Store por violar regras da empresa para desenvolvedores. Mas ele ainda pode ser encontrado na Google Play para ser baixado no Android.

    O programa de desenvolvimento do Google, entretanto, diz que não são permitidas aplicações com discursos de ódio contra grupos com base em sexo, orientação sexual ou identidade de gênero, então pode ser que em breve o Door of Hope saia de lá também.