Império: “Vou acabar com a sua raça”, diz José Alfredo para Silviano

josealfredo14José Alfredo (Alexandre Nero) tentará agredir Silviano (Othon Bastos) nos próximos capítulos de “Império”. Convencido de que o mordomo está disposto a destruir sua vida, o comendador prometerá “acabar com a raça” do fiel escudeiro de Maria Marta (Lilia Cabral).

Tudo começará quando o empresário descobrir que sua mulher já foi casada com Silviano. Ele, então, convocará Cristina (Leandra Leal) e Josué (Roberto Birindelli) para falar sobre o assunto. O milionário dirá que o mordomo é seu grande inimigo e está por trás do nome Fabrício Melgaço:

– É o que tudo indica. O Silviano teria motivos de sobra para agir assim! Foi o primeiro marido de Marta, nunca aceitou o segundo casamento dela, e a relação dele comigo sempre foi crítica, parecia que a gente apenas se suportava, e olhe lá… E mais: o Silviano tem acesso a todos os segredos da família, poderia muito bem descobrir os números de conta bancária e senhas. Enfim, Silviano para mim é o cão chupando manga!

Depois da reunião, ele irá para casa e entrará no quarto do mordomo, que pedirá desculpas por ter se atrasado.

– Eu não esperava isso de você, Silviano.

– O fato de me atrasar ou tudo que aconteceu antes? Porque essa história do meu relacionamento com madame…

– Nem uma coisa nem outra, não é disso que estou falando. Mas de você ser esse falso, esse canalha que se diz chamar Fabrício Melgaço. Só quero que arrume sua trouxa e se mande daqui, vá embora, nunca mais bote os pés nesta casa. E fique aguardando notícias minhas, pois vou acabar com sua raça! Não suporto mais ver sua cara de quem se acha superior só porque fala um português arrevesado e cheio de frufrus. Nem quero mais me fazer de cego enquanto você e Marta conspiram contra mim dentro de minha própria casa.

Silviano ouvirá tudo calado e depois fará uma pergunta:

– O senhor deve sentir muito ódio desse Fabrício Melgaço, não é?

– Nem um pouco. O que eu sinto é pena dele. Porque, na hora em que botar as mãos no sujeito, seja ele quem for, inclusive você, aí não vai sobrar nem a lembrança dele.

José Alfredo sairá e o mordomo dirá a si mesmo:

– Então, que vença o mais cruel e impiedoso.

O comendador irá para a sala e dará a notícia a mulher, que ficará furiosa. Em seguida, se dirigirá para a cozinha para pressionar o mordomo a ir embora logo. Marta o seguirá e defenderá que o marido não tem o direito de demitir seu funcionário. O empresário lembrará que é o responsável pelo pagamento do salário e ela argumentará que ainda pode vender as joias.

– As que eu lhe dei! Não as que o teu ex-marido aí tirou do cofre lá na Suíça, e no lugar delas só deixou um bilhete para você. Como era mesmo que estava escrito nele?

– Vai à merda! – responderá Silviano, com violência. – Era o que estava escrito no bilhete que eu deixei para a Marta no lugar das joias. E é para onde mando agora o senhor.

José Alfredo responderá que ele enlouqueceu e o chamará de ladrão. O mordomo retrucará que o comendador foi quem infringiu a lei diversas vezes. E começará a atacá-lo:

– Você se vê como um imperador, mas é só o que sempre foi: um bronco, um nordestino rastaquera e sem o menor refinamento, que nunca teve escrúpulos, um ignorante que nunca foi capaz de perceber que seu maior tesouro era Marta, a mulher com quem casou, e sem a qual até hoje não passaria de uma criatura exótica, um palhaço aos olhos do mundo. E, se esse tal de Fabrício Melgaço existe mesmo, então está fazendo um favor à humanidade ao mostrar que o Imperador não passa de um…

Marta interromperá a discussão, mas o empresário não deixará barato e partirá para cima do rival:

– Vou lhe mostrar do que é capaz um nordestino bronco. Vou arrancar essa tua casca de homem fino e civilizado junto com tua pele!

Todos tentarão impedir agressões e Marta conseguirá acabar com a confusão.

Veja Também:


…………………