Jumento estaria sendo utilizado como transporte escolar em Quijingue

urlEstudantes que moram em uma comunidade a cerca de 6 quilômetros da sede de Quijingue estão indo para escola a pé, um deles estaria utilizando um jegue para chegar até a escola.

Em depoimento, a estudante Lidiane fala que se recusou a andar no transporte que a prefeitura disponibiliza porque a motorista não tem habilitação para conduzir veículos automotores e que, por duas vezes, escapou de sofrer um acidente. “A motorista que foi colocada aqui não tem habilidade para rodar carro, a primeira vez que foi buscar a gente em casa, bateu na calçada. Um outro dia entrou dentro do mato com a gente, passou a marcha errada e o carro começou a feder, pensamos que iria pegar fogo”, desabafa.

Lidiane diz também que já tentou resolver o problema junto ao poder público só que nada foi feito. “Já fomos na prefeitura, falei com o Junior Barbosa, más até agora nada”.

São três alunos, Lidiane, a Irmã e um menino de 7 anos. O rapazinho vem de jegue com sua mãe, todos os dias. “A gente vem a pé, eu e ela, meu irmão vem de jegue com a minha mãe”, afirmou. (Blog Folha da Vila/Foto ilustrativa)

Prefeitura emite nota de esclarecimento!
…………………………………….
nota
…………………………………….

…………………………………….