Mistério: Mãe de santo e companheiro são achados mortos em terreiro de candomblé em Salvador

650x375_terreiro-no-engenho-velho-de-brotas_1608612As mortes da mãe de santo Salomé Moura Coelho, de 57 anos, e de seu companheiro, um jovem surfista de identidade ainda ignorada, são um mistério para a polícia, para os familiares e vizinhos do casal.

Seus corpos foram localizados, na tarde desta quarta-feira, 10, dentro do terreiro de candomblé que Salomé mantinha, na Rua Aloísio de Carvalho Filho, no Engenho Velho de Brotas – entre o Conjunto Habitacional Floriano Guimarães e o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia da Bahia (Crea).

Os corpos foram descobertos após os vizinhos sentirem a falta da mãe de santo e estranharem o mau cheiro que exalava do imóvel. Policiais da 26ª CIPM (Brotas ) foram acionados pelos moradores.

Conforme o delegado Alex Gabriel Chehade, do Departamento de Homicídios (DHPP), os corpos estavam em avançado estado de decomposição e, por isso, somente após a perícia será possível constar o que ocasionou a morte do casal.

“Existem várias vertentes a serem analisadas. Pelo estado de decomposição, não podemos afirmar que foi homicídio. Pode ter sido um duplo homicídio, pode ter sido um duplo suicídio, mas também pode ter sido um homicídio e um suicídio”, avaliou, com cautela, Chehade.

Amiga de famoso

“Salomé era mãe de santo de Adriano, o ex-BBB [integrante do Big Brother Brasil] de 2001. Ficou um pouco famosa!”, disse uma vizinha, sob anonimato.

salome-exbbb-adriano_1608611

De acordo com a vendedora Jôse Souza, 56, a amiga era bastante tranquila e muito reservada.

Andrezza Moura/A Tarde (Fotos: Mila Cordeiro)