Movimento “Jaguarari pede socorro” paralisou transito na BR-407

    manifestoemjaguarariCom faixas e cartazes, cerca de 40 pessoas se reuniram na rodoviária de Jaguarari por volta das 11hs10min deste sábado (06) e logo depois interditaram o transito na BR-407 nos dois sentidos, impossibilitando o tráfego de veículos pela rodovia, apenas uma ambulância foi liberada e passou pelo bloqueio.

    Após 40 minutos de paralisação da BR-407, os organizadores resolveram liberar a pista e os manifestantes seguiram para o centro da cidade, ficando em frente à prefeitura municipal mostrando as faixas e os cartazes, e logo após finalizaram o manifesto prometendo realizar outra em breve.

    A manifestação cobrou as autoridades não só do município de Jaguarari, mas do Brasil, EDUCAÇÃO, SAÚDE, SEGURANÇA, INFRAESTRUTURA, MELHORES ESTRADAS e protestaram também contra o nepotismo, mais valorização ao servidor público e contra corrupção.

    Querendo Justiça

    Na manifestação também participaram familiares da jovem Maricélia Morgado Cruz, de 19 anos, morta no dia 15 de março no povoado de Catuaba. A mesma foi vítima de seu próprio namorado que desferiu um golpe de arma branca em seu peito, e já se passaram quase três meses e até hoje o a autor do duplo homicídio, por que segundo a família Maricélia estava grávida, continua foragido. Segundo a organização do movimento, uma reunião será convocada em breve para que seja definida uma nova manifestação.

    Com informações do Movimento “Jaguarari Pede Socorro”. Fotos: Portal Jaguarari