Novo Mapa do Turismo Brasileiro conta com 2.694 cidades de 333 regiões

O Ministério do Turismo divulgou recentemente o Mapa do Turismo Brasileiro 2019-2021. Foram incluídas na atualização da plataforma 2.694 cidades de 333 regiões turísticas do país. A Pasta estabeleceu novos critérios, compromissos e recomendações para estados e municípios, entre os quais estão a obrigação de participar em instância de governança e em Conselho Municipal de Turismo (Comtur).

Foto reprodução/Facebook Mtur

Segundo o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, a integração dessas localidades no novo Mapa do Turismo é fundamental para que o governo direcione ações para o desenvolvimento do setor em cada região. “Estamos num momento de virada para o turismo brasileiro e contamos com este novo mapa para termos uma radiografia atualizada do potencial turístico do Brasil para investir de forma adequada na melhoria de infraestrutura, realização de campanhas publicitárias, entre outras ações”, explicou.

Além dos municípios possuirem um órgão de turismo em atividade, o novo mapa estabeleceu outros critérios para a inclusão na plataforma: orçamento próprio destinado ao turismo e registro obrigatório dos prestadores de serviços turísticos no Cadastur (Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos), do Ministério do Turismo.

O secretário Nacional de Estruturação do Turismo, Robson Napier, disse que a expectativa do Ministério é de que regionalização do turismo melhore a qualidade dos serviços prestados aos visitantes. “Em parceria com os estados e com o novo Mapa, vamos conseguir atuar com ações pontuais nestes municípios, para elevar o turismo brasileiro ao real patamar que lhe cabe, dando qualidade e boas experiências aos nossos visitantes”, destacou.

O Mapa do Turismo é dividido em categorias que vão de de “A” a “E”. Essa classificação é uma das ferramentas para acompanhar o desempenho da economia turística das regiões. O mapa ajuda também a priorizar os investimentos dos programas do MTur que incluem ações de infraestrutura turística, qualificação profissional e promoção dos destinos. A certificação deverá viabilizar o desenvolvimento econômico e a geração de emprego e renda.

....