Oito ex-gestores presos em operação da PF na Bahia foram liberados em menos de 24 horas

DSC_1385Os oito acusados a pertencer a uma organização criminosa acusada de desviar R$ 60 milhões dos cofres públicos, detidos na manhã desta terça-feira (18) na Operação Granfaloon receberam habeas corpus e já deixaram o Presídio Advogado Nilton Gonçalves, em Vitória da Conquista. A ação prendeu sete ex-prefeitos, ex-vice-prefeitos, ex-secretários de Belo Campo, Tremedal, Anagé, Bom Jesus da Serra e Caraíbas, no Sudoeste da Bahia. Também foram detidos cinco empresários durante a operação.

Cinco empresários também foram presos durante a operação. Entre os que deixaram a unidade prisional, está o ex-prefeito de Anagé, Elbson Dias Soares (PTB), que classificou as denúncias como “infundadas”. Também já saíram do presídio o presidente do PSB de Vitória da Conquista, Elve Cardoso Pontes, e o empresário José Henrique Tigre, ex-vice-prefeito de Belo Campo, conhecido como Quinho, informou o advogado Luciano Sepúlveda.

Fonte: Blog do Anderson