Pastores elegem em Brasília novo presidente nacional da Igreja Assembleia de Deus

    ass3Vinte quatro mil ministros e pastores das igrejas Assembleia de Deus elegem nesta quinta-feira (11), em Brasília, um novo presidente da denominação evangélica. Os pastores José Welligton, de São Paulo e atual presidente, e Samuel Câmara, de Belém do Pará, disputam o posto.

    A eleição, que também escolhe 17 membros da direção da igreja, ocorre no Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade. A convenção geral começou no dia 8 e se encerra nesta sexta (12), prazo máximo para divulgação do resultado da votação. A cerimônia de posse do eleito vai ser realizada ainda no último dia do evento.

    O atual presidente está na função há 25 anos. O candidato de oposição concorre à presidência pela terceira vez. O próximo presidente vai comandar a denominação evangélica por quatro anos. A Assembleia de Deus tem cerca de 12 milhões de fieis e um patrimônio que inclui uma editora e uma fundação educacional.

    ass1Além da eleição, durante o encontro são promovidos estudos bíblicos e cultos, estes últimos aberto ao público em geral.

    Marco Feliciano
    O pastor da Assembleia de Deus e presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados, Marco Feliciano (PSC), fez uma rápida visita ao evento para participar da votação da presidência da igreja. Ele chegou no Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade por volta das 12h20 desta quinta.

    Feliciano visitou o estande da editora da Assembleia no local e tirou fotos com os presentes.

    Para o pastor da Assembleia de Deus em Salvador (BA) Miguel Pereira, a convenção geral, que acontece a cada dois anos, é importante para unir os membros, trocar experiências e traçar os rumos da denominação para os próximos anos. “É sempre bom se reunir, encontrar velhos amigos de outros estados e ver a movimentação. A votação é feita de maneira democrática, com liberdade de expressão. É muito bonito ver isso”, disse.

    Informações do G1