Pesquisa “DataNilo” mostra Paulo Souto disparado na liderança

sssO Instituto Babesp (Bahia, Pesquisa e Estatística), popularmente conhecido como DataNilo, por pertencer ao Deputado Estadual Marcelo Nilo, importante aliado do PT na Bahia, foi divulgada nesta quarta-feira (13).

Paulo Souto (DEM) 40%, Rui Costa (PT) 16%, Lídice da Mata (PSB) 13%, Marcos Mendes (2%), Rogério Tadeu Da Luz (PRTB) 1%, Renata Mallet menos de 1%, e por fim, 29% é a porcentagem das intenções de votos nulos e/ou brancos, na pesquisa estimulada.

Se comparada com a pesquisa do Ibope, o candidato petista pula de 8% para 16%, passando a militante do PSB, que permanece com os 13%.

Segundo o DataNilo, na espontânea, o candidato democrata surge em primeiro lugar com 6,95% das intenções de voto, seguido do petista com 2,25% e Lídice da Mata com 0,6%. O postulante Marcos Mendes e também o deputado federal Tiririca aparecem com 0,05%.

Durante a pesquisa, foram ouvidas 2000 pessoas em 84 municípios baianos de 5 a 11 deste mês.

Irmãos Vieira Lima zombam de pesquisa “preocupação do PT foi tirar Rui do terceiro lugar”

Os adversários do candidato ao governo Rui Costa (PT) até bradaram contra a pesquisa encomendada pelo presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), o deputado Marcelo Nilo (PDT), ao Instituto Bahia Pesquisa e Estatística (Babesp) sobre intenções de votos para governador do estado.

Para o deputado federal, Lúcio Vieira Lima (PMDB), e candidato à reeleição, o objetivo da pesquisa foi tirar o postulante petista do terceiro lugar.

“Até a pesquisa de Nilo demonstra uma grande de vantagem de Paulo Souto. O que na verdade o PT quis com essa pesquisa foi tentar mostrar que passou Lídice da Mata, porque a preocupação dele é ficar amarrado no terceiro lugar. Mas pelo que estamos vendo nas ruas e pesquisas internas é que Lídice continua na frente”, afirma.

O peemedebista ainda faz uma provocação: “a preocupação do DataNilo foi tirar Rui da incomoda posição de empate técnico com Da Luz”.

O irmão do parlamentar e candidato ao Senado pela oposição, Geddel Vieira Lima (PMDB), ressalta que durante o levantamento foi questionado a influência de padrinhos nas intenções de votos, Lula e Dilma com Rui Costa e ACM Neto e Aécio Neves com Paulo Souto, e que essa influência não ajuda o petista.

“Está claro que Paulo Souto está se consolidando. Com padrinho ou sem padrinho ganhamos as eleições. Nem Marcelo Nilo consegue colocar Rui na frente”, dispara. (com informações do Bocão News)