PMs sofrem com falta de pagamentos de diárias e são obrigados a comprar coletes

PMSERVICO-550x320Cerca de 292 militares do especializado Batalhão de Choques, localizado em Lauro de Freitas, sofrem com  problemas de infraestrutura, falta de pagamento e falta de material de trabalho.

De acordo com a denúncia de servidores da Polícia Militar (PM), que pediram para não serem identificados, eles tem sido pressionado a comprarem os próprios coletes à prova de bala, com o objetivo de padronizar o uniforme da especializada.   “O Estado não nos dá colete, compramos os nossos. Como se não bastasse, ainda querem que adquiramos outros para padronizar a tropa”, reclamou o PM da unidade que prefere não se identificar.

As informações são do Varela Notícias