Santaluz – Vereadores preocupados com a falta d’água visitam barragem em Queimadas

    Preocupados com a escassez de água no município de Santaluz, os vereadores Paulão, Sergio Suzart, Luizão e Miraldo visitaram na tarde de quarta feira (02) a barragem da leste que fica no município de Queimadas, responsável pelo abastecimento de água em Queimadas e Santaluz.

    A grande motivação que levou os vereadores até a barragem, foi a necessidade de saber se realmente existia motivos para pânico e quais as medidas emergenciais que deveriam ser tomadas. Os vereadores ficaram preocupados com a situação, pois além de pouca água, centenas de carros pipa pegam água para abastecerem outros municípios e a poluição do rio é muito grande. “É uma coincidência a barragem está com água, pois ontem estava seca, mas o gerente disse que a água chegou devido à liberação das comportas da Barragem de Ponto Novo” disse uma moradora do município de Queimadas.

    Guilherme Soares, gerente local da EMBASA informou que a situação requer cuidados e cautela, pois a falta de chuva na região realmente é preocupante.  “É importante que a população também faça o racionamento da água, pois não adianta a Embasa fazer o racionamento e as pessoas não utilizarem a água de forma consciente”, afirmou.

    O vereador Miraldo destacou a preocupação dos vereadores, o empenho e disponibilidade do Legislativo em trabalhar para evitar que a falta de chuvas prejudique ainda mais a população de Santaluz.

    “Já o vereador Sergio Suzart disse que ele e os colegas estarão empenhados em fazer o que for necessário para garantir a continuidade do abastecimento de água para nossa população”, disse, lembrando-se da importância fundamental do uso consciente da água.

    “Há muitos anos não vemos uma escassez de água tão intensa quanto agora, infelizmente já houve até audiência publica no povoado de Várzea da Pedra onde foi tratada a extensão do Projeto Araci Norte até o município de Santaluz que até agora só esta no papel”. Disse o vereador Luizão.

    O vereador Paulão alertou para a necessidade de limpeza das margens do rio, que, segundo ele, em vários pontos precisam de ações imediatas visando maior captação de água o que, em época de chuvas, viria aumentar o volume de água disponível para a população e amenizaria o sofrimento do nosso povo mais “É importante salientar que mesmo a barragem estando cheia acredito que não seria o bastante para que Santaluz possa ter água sem o problema de racionamento, haja vista que existe segundo informações de moradores ruas que passam até 30 dias sem cair água, à barragem não tem capacidade para atender Queimadas e Santaluz, pois a mesma foi construída para atender uma população há 30 anos, hoje a realidade é outra a população aumentou muito.

    Texto e fotos: Adimário Reis

    ....

    COMPARTILHAR