Solange Almeida desabafa e fala no Faustão sobre polêmica com Aviões do Forró

Depois de sua apresentação em homenagem a Ivete Sangalo no Show dos Famosos, neste domingo, 2/6, Solange Almeida conversou com Faustão sobre a polêmica envolvendo a ação na Justiça que está movendo contra o Aviões do Forró, e aproveitou para fazer um desabafo sobre sua saída da banda, em 2016.

“O Aviões do Forró ia acabar, e de uma hora para a outra eles simplesmente me tiraram e continuaram a banda sem mim. Eu simplesmente me calei, fiquei ali caladinha, aguentei tudo, dizendo que tinha saído porque queria e tal… mas enfim, passou graças a Deus tô aqui, tô viva, tô bem e tô feliz.”

Foto reprodução/TV GLOBO

A cantora explicou que a ação judicial é para pedir a parte que tem direito a receber pelo período em que era sócia da banda: “Eu tinha 25%, e aí eu saí de lá, assinei a minha saída da sociedade e fiquei esperando a apuração de haveres para ter a minha parte. Esperei dois anos, e como não veio, ingressei na Justiça com o pedido de apuração de haveres.”

Solange explicou que quando deixou o Aviões do Forró tomou a decisão de não falar nada, apesar de todo o sofrimento pelo qual passou, por ser uma mulher forte e “quis que tudo parecesse um conto de fadas, que fosse tudo bonito”.

“E eu fui muito julgada na época, porque as pessoas diziam que eu tava querendo o dinheiro só pra mim, que eu queria ir pra uma carreira solo, e não foi nada daquilo”, completou.

A artista falou ainda sobre o machismo que ela e outras colegas cantoras de forró sofreram: “Por ser mulher a gente passa muita coisa, e o forró infelizmente é muito preconceituoso, a mulher ganha menos, a mulher canta menos, a mulher não tem voz, infelizmente no forró acontece isso e no Nordeste nós mulheres do forró sofremos muito com isso”. E finalizou sua fala com a esperança de mudança nesse cenário:

“Eu tenho certeza que essa história vai mudar, nós vamos ter voz e nós vamos ter vez” (GSHOW)

Foto reprodução

....