Berlim reúne serviços de transporte em um único aplicativo

Um aplicativo denominado Jelbi reúne todas as soluções de transporte em Berlim, na Alemanha. Cidadãos podem comprar o bilhete do metrô ou reservar um patinete elétrico em uma mesma plataforma integrada.

A iniciativa tem como objetivo incentivar o uso das diferentes formas de transporte urbano – com exceção do carro particular – para frear os congestionamentos na capital alemã e estimular o uso de transporte compartilhado e sustentável.

Foto reprodução/site jelbi.de

O Jelbi está em operação desde o final de setembro e é gerenciado pela BVG, empresa responsável pela malha de transportes de Berlim. O sistema opera com a tecnologia da Trafi, startup lituana que desenvolveu uma plataforma similar em seu país.

A própria BGV já havia integrado, em junho passado, seus próprios serviços de metrô e ônibus à operadora ferroviária Deutsche Bahn, aos patinetes elétricos da Emmy, ao serviço de compartilhamento de carros da Miles e às bicicletas da Nextbike. Agora a empresa está complementando o catálogo com seu serviço de micro-ônibus sob demanda, com os patinetes da Tier e com a Taxi Berlin.

Uma das principais características do Jelbi é que os usuários podem pagar por todas as opções de mobilidade no aplicativo com apenas um registro. “Todas as formas de transporte serão oferecidas a partir de outubro”, afirma o diretor do Jelbi, Michel Heider, à Reuters.

Para configurar o aplicativo é necessário que o usuário cadastre uma selfie, envie a foto do passaporte e da carteira de motorista, e registre um modo de pagamento. A média de reservas de viagem por usuário na plataforma, até agora, é de três por semana, segundo Heider.

O Jelbi depende da instalação de centros de mobilidade – equipados com totens de carregamento – nas proximidades das estações de ônibus e metrô. Além disso, é preciso conscientizar a população sobre a importância do uso do transporte alternativo. “As pessoas devem deixar seus carros para trás e usar Jelbi para se deslocar na cidade”, completa Heider. “Queremos que o Jelbi seja a interface número um para mobilidade compartilhada em Berlim.”

Para a desenvolvedora Trafi, Berlim é um marco. “A capital da Alemanha está se tornando a maior referência em mobilidade com serviço integrado do mundo”, comentou o CEO da companhia, Martynas Gudonavicius. Ele disse também que a empresa está conversando com outras cidades da Europa sobre a implantação de aplicativos de mobilidade.

O nome Jelbi faz alusão à palavra “gelb”, que em alemão significa “amarelo”, cor associada à BVG. O aplicativo está disponível para download na Apple Store e Google Play.

....