Mariana Ferrão faz triste desabafo após a Globo demitir Fernando Rocha do Bem Estar

A jornalista Mariana Ferrão se manifestou pela primeira vez sobre a demissão do colega Fernando Rocha do Bem Estar, com quem mantinha uma parceria desde 2011, quando aconteceu a estreia do programa na Globo.

Seu desabafo foi feito por meio do Instagram, onde ela gravou um vídeo dizendo: “Vocês sabem que gravo sempre esses vídeos bem cedinho. Ontem, quando gravei, o Fernando ainda não tinha se pronunciado publicamente”.

fernando rocha chorando
Foto reprodução

“E eu achei que ele deveria falar primeiro. Mas quem me conhece de perto sabe o tanto que ele está me fazendo falta. E o que nos falta, também nos forma”, completou Mariana Ferrão, sem entrar em detalhes no assunto.

Ela, vale lembrar, está apresentando o Bem Estar sozinha, enquanto Fernando Rocha foi tirado de maneira inesperada pela Globo.

NÃO PÔDE SE DESPEDIR

Diante da situação, Fernando Rocha fez um triste desabafo em conversa com o UOL e soltou o verbo, dizendo que não foi permitido nem mesmo que ele se despedisse.

“Fui pego de supetão. A decisão de mudar o programa foi do Mariano [Boni, diretor de conteúdo de Variedades]. Ele reformulou esse grupo e me comunicou que eu iria deixar e me deixou a vontade pra procurar outros projetos dentro e fora da Globo”, lamentou o parceiro de Mariana Ferrão, que foi tirado das manhãs da Globo.

fernando rocha instagram 2019
Foto reprodução

“Não tive espaço nem para me despedir. É uma opção dele. Vou me despedir nas redes sociais. O tempo ficou escasso para eu fazer brincadeiras com o público, brincar com os médicos, tudo foi ficando muito espremido ali”, explicou Fernando Rocha, que falou ainda sobre o seu jeito de noticiar.

“Por incrível que pareça, o jornalismo está mais divertido que esse entretenimento pela manhã. Está muito cedo para pensar qualquer coisa. Vim do jornalismo, do esporte… Vou baixar a poeira, estava precisando de férias, mas não descarto algum projeto fora da Globo, na internet”, disse ele, que não dividirá mais o programa com Mariana Ferrão.

“Realmente não cabia ali mais no programa, estava sério demais. Sou mais alegre do que triste. Fiquei uma semana em Brumadinho, me lembrou o acidente da TAM, que também cobri em 2007, isso me fez pensar muito. Essa semana foi muito definitiva pra eu pensar. Entendi o rumo novo que as coisas estavam tomando e o que o programa estava virando”, afirmou.

“Eu, que muitas vezes estava virando meme, estava procurando mortos nas tragédias de Brumadinho. Tem alguém no lugar errado, né? Esse alguém sou eu”, completou. (O TV Foco)