Relembre os golpes famosos em cassinos

Os cassinos mais famosos de Las Vegas costumam atrair tentativas de golpes

Com ambientes luxuosos e muita adrenalina, o ambiente dos jogos de cassino infelizmente também pode acabar atraindo trapaceiros infiltrados entre os jogadores dedicados. Afinal, esse mercado que só cresce tem arrecadado US$ 34 bilhões por ano nos Estados Unidos. E entre as histórias de golpes famosos, é possível notar que os truques podem se tornar uma verdadeira ciência entre especialistas, com direito a teorias matemáticas e conceitos de física complexos.

casino 1107736 1920 1
Imagem de Naomy Quiñones por Pixabay

Além da ciência, os golpes também alcançaram a sétima arte e acabaram retratados nas telas do cinema, como em “11 Homens e Um Segredo”, que mostra uma das muitas tentativas de golpes nos cassinos mais famosos de Las Vegas, seja na ficção ou na vida real. Antes um entretenimento, hoje, o universo dos jogos de cassinos se tornou uma verdadeira indústria, suscetível a golpes e trapaças entre uma cartada e outra.

Com aparições em filmes como “Quebrando a Banca”, os golpes dos cassinos invadiram o imaginário comum na cultura pop. Relembre alguns dos golpes famosos em cassinos:

Quebrando a Banca em 1961

O filme de 2008, estrelado por Kevin Spacey, foi baseado em na história real do matemático Edward Thorp, professor do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), que em 1961 começou a estudar um dos jogos de cartas mais populares, o Blackjack. Nesse jogo, os apostadores tentam tirar a soma mais próxima de 21 para ganhar a aposta contra o cassino.

Mas o matemático foi além: ele criou um sistema de probabilidades para decodificar a lógica desse jogo de cartas. Fanático pelo assunto, Thorp testou o sistema num supercomputador da IBM e também visitou cerca de 80 cassinos de Las Vegas. O matemático chegou na conclusão que, quanto mais cartas altas restam no baralho, maior é a chance de o apostador ganhar. Apostando na hora certa ao considerar esse fato, seria possível faturar até 3,29% sobre o cassino, que geralmente leva 1% de vantagem nos jogos de blackjack.

A técnica virou um sucesso, que o matemático transformou em livro e que inspirou o filme. Inspirados na prática de Edward Thorp, nos anos 90 um grupo de matemáticos do MIT enriqueceu ao aprimorar o sistema, fazendo com que eles ganhassem até 40% sobre os cassinos – foi o relato de um dos participantes que baseou o filme “Quebrando a Banca”, além do livro de Thorp.

O golpe de 40 milhões de dólares

Utilizados por dois irmãos, os Roselli, conhecidos como os mais sofisticados golpistas de cassino, esse golpe chegou a faturar cerca de 40 milhões de dólares em cassinos dos Estados Unidos. Forjando a identidade de vítimas para conseguirem condições de créditos nos cassinos desejados, os irmãos contrataram um hacker e hackearam dados para obterem os nomes de pessoas com uma ótima pontuação de crédito.

Entre os anos de 1995 a 2000, usando esses nomes, os irmãos abriram contas de crédito e depositaram mais de US$ 50 mil dólares em cada, o que gerou confiança aos cassinos para estenderem o crédito à essas contas. A grande jogada foi nutrir essas contas e pagar seus jogadores de mentira, o que os levou a ter diversas contas em movimento em 2000, com créditos que valiam mais de um milhão. Depois de movimentarem essas linhas, perdendo em jogos de cassino que eles mesmos inseriram na mesa, eles recebiam os valores e depositavam nas contas principais.

Em seguida, eles sacaram todas as contas e desapareceram, deixando os cassinos em busca dessas pessoas que abriram às contas, sem jamais encontrarem os irmãos Roselli – há até mesmo dúvidas se esse era o nome verdadeiro deles.

LoRiggio e a física nos golpes de cassinos

LoRiggio é o dono de uma pequena empresa de softwares que visitava os cassinos de Atlantic City para jogar blackjack nos finais de semana. Ao prestar atenção na mesa dos dados, ele percebeu que algumas pessoas ao invés de simplesmente jogar seus dados, elas faziam algo com eles antes. Ao tentar investigar o que era, LoRiggio descobriu que um engenheiro, Chris Paulicky, tinha estudado a mecânica dos jogos e que dava aulas ensinando sua técnica.

Depois de pagar US$ 500 pelo curso, LoRiggio conseguiu aumentar suas chances de vitória nos jogos de cassino após alguns meses. A prática que ele aprendeu mostra que, como em todos os esportes, controlar os dados deve combinar disciplina mental e técnica. O segredo é posicionar os dados antes de jogá-los e arremessá-los em determinado ângulo definido, usando a eficácia da física newtoniana para manipular as jogadas. Para dificultar esse truque, foi criada uma nova regra pelos cassinos: os arremessos só valeriam se os dados quicassem na lateral da mesa.

Entretanto, LoRiggio afirma que a técnica funciona de qualquer forma. Reverter a vantagem do cassino no jogo de dados o tornou em “O Dominador” fazendo com que ele se tornasse milionário, dono de diversas propriedades e com uma vida em alto estilo. Foi justamente essa fama que fez com que LoRiggio fosse banido da maioria dos cassinos estadunidenses, com poucas exceções em Las Vegas.

O golpe VIP

Engana-se quem pensa que somente os cassinos de Las Vegas são afetados pelos golpes. Na Austrália, o Crown Casino, que fica às margens do Rio Yarra, em Melbourne, foi atacado por um grupo de golpistas em 2013. Na época, os criminosos se infiltraram em uma das salas de jogos reservadas apenas para jogadores VIP, com alta segurança por conta dos valores altos, além do requinte.

Foram justamente as câmeras de alta definição que se tornaram o alvo dos criminosos: eles invadiram o sistema moderno de segurança e monitoraram os jogadores em diversos ângulos, analisando cada movimento e cartada e transmitindo as informações ao apostador, que faturou US$ 32 milhões. No início, os criminosos escaparam, mas o valor alto fez o cassino abrir uma investigação que notou o acesso não permitido às câmeras da sala VIP. As autoridades receberam as evidências e o grupo foi preso após poucos dias do golpe digno das salas de cinema.

Se as histórias dos golpes inspiraram você a jogar em cassinos, uma boa opção para evitar ser vítima deles são os jogos online. Além da praticidade, podendo ser jogados em qualquer lugar, eles também são mais seguros e trazem tanto entretenimento quanto os jogos presenciais.